Depois que morrem, algumas pessoas são enterradas. Outras continuam vivendo em caixões formados por roupas, em casas marcadas com o símbolo da escuridão, em dor tão imensa que o toque do sol representa uma carícia intolerável.

Não gosto de velórios. Quem vai, diz que devemos nos lembrar da morte e homenagear os que foram ao seu encontro. Para mim, a Morte caminha entre os convivas, anotando nomes que esqueceu, fazendo desenhos de lápides imaginárias no seu caderno de notas.

Os estoicos dizem que viver é se acostumar com a morte, é tê-la sempre em mente, é saber que cada segundo pode ser o derradeiro. Memento mori, aí está a chave para uma vida feliz. Mas, e a Morte, será que ela se acostuma conosco?

Vejo esta foto, da mulher sequestrada pelo luto. A Morte andará ao seu lado a partir deste momento; a mulher ceará com ela, dormirá com o seu espectro incômodo, dividirá cada mínimo fato da sua existência com a companheira silenciosa da recordação do morto. A sociedade esquecerá o seu rosto, as curvas do seu corpo, enquanto o abismo de pano a cerca e se serve das suas carnes tenras como se fosse um verme cheio de gula. Até o dia em que a Morte ficar enfastiada e levá-la para o outro lado, para brincar nas paragens ermas.

Lembremos da Morte. A roupa negra talvez esconda o rosto e o corpo de quem se recorda dela todo dia, mas não é garantia de vida eterna. Neste exato instante, em algum velório, a Velha Senhora caminha, escutando trechos de conversas, lembrando nomes e rostos que já não recordava, preenchendo com paciência o seu bloco.

Um dia, seu nome estará nele.

ppp

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s